Logo Hortas Biológicas

USO TERAPÊUTICO DA ALFACE

Abóbora

 

São amplamente conhecidas as propriedades terapêuticas da alface.

Auxilia na perda de peso.
Contém apenas algumas calorias e é rica em muitos nutrientes. A fibra dietética ajuda a melhorar a digestão e faz aumentar a sensação de saciedade fazendo com que a pessoa coma menos. A fibra alimentar também ajuda na remoção de sais biliares e, assim, reduz o colesterol no organismo.

Ajuda na Digestão.
Por ser rica em fibras dietéticas, é muito benéfica no combate da prisão de ventre e indigestão. Os alto teores de fibras alimentares podem ajudar na limpeza do trato intestinal. Além disso, também é rica em Vitamina C, que ajuda na eliminação de toxinas do corpo.

Fortalece os Ossos. 
É rica em Vitamina K, que auxilia na produção de osteocalcina, que é uma proteína necessária para o tecido ósseo. Além disso, também é rica em cálcio e fósforo, que como é sabido, desempenham um papel importante no aumento da densidade e força dos ossos. A osteoporose podem ser reduzido pelo seu consumo.

Benefício para a pele.
Contém antioxidantes, como betacaroteno e vitamina C que ajudam a manter a pele radiante e macia. Os antioxidantes protegem a pele dos radicais livres e ajudam a prevenir as rugas bem como, sinais precoces de envelhecimento e pigmentação. A Vitamina C também ajuda na formação de colagénio, o que faz a pele parecer mais jovem. O potássio presente também melhora a circulação sanguínea proporcionando um brilho da pele.

Insónias.
Contém um composto chamado lactucário (letucarium) que ajuda a induzir o sono e a proporcionar o relaxamento da mente. O lactucário pode ser administrado a bebés a partir dos seis meses para regular o sono

Olhos. 
Contém betacaroteno, que é benéfico para os olhos. Ajuda a melhorar a saúde da retina e previne a degeneração macular relacionada à idade. Também contém ômega-3 os ácidos gordos, o que melhora a saúde dos olhos.

Diabetes. 
Tem um baixo índice glicêmico. Ajuda a desencadear a produção de insulina, que ajuda a monitorar o nível de glicose.

Outros benefícios:
- É rica em Ferro que ajuda a aumentar o nível de hemoglobina nos glóbulos vermelhos o que pode ajudar a prevenir doenças como a anemia.
- Devido á sua natureza alcalina, pode ajudar a neutralizar a acidez no corpo.
- É uma boa fonte de cálcio para quem não consome laticínios (contém 38 mg por 100 g de alface), sendo por isso também útil no tratamento e prevenção da osteoporose.

Indicações terapêuticas:
Uso Interno

Sumo de alface.
O sumo de alface é uma das variações do sumo verde. 
Ele é indicado para o tratamento contra ansiedade, stress e insónias.
Também ajuda a eliminar as toxinas do organismo e melhora a digestão.
Tem valor calórico baixo e uma percentagem elevada de antioxidantes.
Além disso, é anti-inflamatório e diurético, isso ajuda a combater a celulite e reduzir o inchaço corporal.

Ingredientes:
- 5 folhas de alface
- 10 folhas de salsa
- 1 copo de sumo de laranja

Bater no liquidificador todos os ingredientes e beber logo de seguida.

Sumo antioxidante.
Ingredientes:
- 10 folhas de alface, 
- três cenouras, 
- meia beterraba média
-um pepino 
-duas maçãs. 

Bater no liquidificador todos os ingredientes depois juntar o sumo de um limão. Beber 15 minutos antes das refeições.

Cuidados
Não existe uma dose diária máxima para o consumo de alface.

 

DESTAQUES

ABÓBORAS
ACELGAS
AIPO

RELACIONADO

Alface lettuce

Como cultivar Alface

Alface lettuce

Descrição da Alface

Siga-nos