Logo Hortas Biológicas

COMO CULTIVAR ABÓBORAS

Abóbora Pumpkin

 

Todas as abóboras são de fácil cultivo.

De modo geral, fornecem abundantes colheitas se as seguintes necessidades forem observadas:
- espaço suficiente.
- solos com boa drenagem.
- solos ricos em matéria orgânica.
- solos profundos.
- bons recursos hídricos.
- algum sombreamento.

Além disso, deve-se ter em atenção a sementerira.
Semear na altura devida, isto é, com o solo já aquecido e moderadamente húmido.

O sucesso da sementeira pode ser afetado por solos demasiado húmidos e frios.

Períodos normais de sementeira:

Chila - Janeiro a Junho. (variedade de grande desenvolvimento, com muitas ramificações)

 Menina - Abril a Julho. (semear em elevações pequenas e intervaladas de 1,5 m, com 5 ou 6 sementes em cada elevação.
Cobrir com uma camada de terra fina de 2 cm.
Se necessário desbastar até ficarem as 3 melhores plantas em cada elevação)

Porqueira - Abril a Julho. (seguir o mesmo procedimento da abóbora Menina)

- Distância entre linhas 200 – 250 cm 
- Distância entre plantas 100 – 150 cm
- Profundidade de sementeira 2 – 3 cm
- Tempo de germinação 8 a 10 dias

Rega
Deve assegurar-se uma boa rega ao longo do ciclo cultural. As fases de floração e de vingamento dos frutos são especialmente sensíveis à falta de água.
Pode originar a podridão da extremidade floral e o não vingamento do fruto.
Deve regar-se em profundidade e, depois, regar quando o solo ficar seco nos primeiros 10 a 20 cm. 
A rega gota-a-gota evita a alternância de secura / excesso de água e permite também poupar água.

Cuidados
Podar a seguir às duas primeiras folhas verdadeiras. Isso vai suscitar o desenvolvimento de braços secundário que por sua vez faz acelerar o aparecimento dos frutos.
Podar 2 folhas a seguir a cada fruto formado.
Regar regularmente com chorume de urtiga diluído a 20-50%, até à formação dos frutos. 
Se não dispuser de muito espaço para o crescimento na horizontal, pode orientar as aboboreiras para crescerem na vertical, por meio de estacas fortes ou outras estruturas de suporte resistentes em especial se forem espécies de maior porte.
Se as plantas não estiverem a crescer vigorosamente, deve fazer-se uma adubação extra.

Consociação
Na horta tradicional, a abóbora era consociada com o feijão e milho, prática conhecida e utilizada há muito tempo. 
Este hábito beneficia as abobreiras com a absorção de azoto pelo feijão, assim como do sombreamento do milho e da rega que este exige.
Outras plantas benéficas em consociação: chagas (atraem os insetos polinizadores),rabanetes(semeados com a abóbora, ficam prontos ainda antes de as abóboras recobrirem o solo com as suas folhas).

Colheita
A colheita também tem os seus preceitos, além das aboborinhas que se consomem imaturas, todos os frutos devem ser colhidos com maturação evidente, ou seja, 3 semanas após o começo da secagem da planta-mãe.  

Este procedimento garante melhor conservação das abóboras, assim como maior viabilidade e vitalidade por parte das sementes.

- Chila - Maio a Outubro.
- Menina - Setembro a Dezembro
- Porqueira - Setembro a Dezembro

Polinização Manual
Polinização Manual AbóborasA abobora é uma planta monoica, isto é, que carrega na mesma planta flores machos e flores fêmeas em lugares diferentes.

A flor macho distingue-se por se apresentar no topo de um talo fino e rígido, com a altura de um a dois palmos consoante o vigor das folhas da planta. 

A flor fêmea aparece na ponta de um fruto pequeno e imaturo que é o ovário.  

Se porventura for fecundada desenvolve-se formando a eventual abóbora. 

Este conhecimento é importante se desejar fazer a polinização manual.

Veja aqui passo a passo como se faz.

 

Sugerimos também

ACELGAS
ALFACE
AIPO

RELACIONADO

Sementes de Abóbora Pumpkin Seeds

Como escolher sementes

Abóboras Pumpkins

Descrição da Abóbora

Uso terapêutico da Abóbora Pumpkin Therapeutic Use

Benefícios da Abóbora

Receitas com Abóbora Recipes with pumpkin

Receitas com Abóbora

Siga-nos